fbpx

A Tünkers do Brasil e a certificação ISO 9001:2015

A ISO 9001:2015 é a norma de sistema de gestão da qualidade (SGQ) reconhecida internacionalmente, utilizada por organizações que desejam comprovar sua capacidade de fornecer produtos e serviços que atendem às necessidades de seus clientes e requisitos legais e regulatórios aplicáveis, com o objetivo de aumentar a satisfação do cliente por meio de melhorias de processo e avaliação da conformidade.

Os 7 princípios básicos da qualidade

Foco no cliente

Quando a gente pensa em Qualidade, sempre virão várias definições e visões distintas. O que muita gente não sabe é que Qualidade não é uma palavra sozinha, ela deve ser acompanhada de uma pergunta: Qualidade pra quem? Quando você pensa dessa forma, fica muito mais fácil imaginar o que é Qualidade.

Todo Sistema de Gestão da Qualidade busca intensificar o foco no cliente com o objetivo de aumentar sua satisfação. Isso tem que ficar muito claro para toda empresa em tudo o que ela fizer, nas mínimas atividades. Os colaboradores devem saber da importância que possuem ao realizarem suas atividades, e como isso impacta na satisfação dos clientes. Esse hábito começa a se tornar real quando é conduzido pela liderança, o que nos leva ao próximo princípio.

Liderança

É importante entender que liderança não se trata apenas de cargos gerenciais ou de pessoas que estão à frente de equipes, mas é quem toma atitude de liderar mudanças, ações e resultados. Se seus gerentes não lideram a Qualidade, possivelmente seu SGQ vai falhar, simplesmente porque eles não trabalharam para engajar as pessoas no seu projeto. Um exemplo disso é: se um novo colaborador entra na organização e seu líder direto não fala sobre Qualidade, como ele vai saber que a Qualidade é importante na organização?

Engajamento das pessoas

Quando você tiver líderes da Qualidade na sua organização, pessoas que conversem sobre isso e que em cada atividade e resultado apontem uma relação direta com a Qualidade, ficará mais nítido o porquê ela é importante e tem que funcionar. Imagine que a produção esteja engajada num projeto de aumentar a produtividade. Se ela conseguiu obter o resultado desejado através de práticas da Qualidade, isso será um incentivo para outros departamentos acreditarem que aquilo funciona, e aí você começa a encontrar caminhos para padronizar a Qualidade.

Abordagem de processos

A padronização acontece quando você estabelece processos. Fazer um lanche na sua casa é fácil, fazer uma rede de lanches pelo mundo garantindo que todos tenham o mesmo sabor, como por exemplo o McDonald’s, é outro desafio. Pessoas engajadas tendem a buscar o entendimento dos processos e o quanto eles podem contribuir para a Qualidade, tornando mais rápida a aderência ao SGQ. Depois que você consegue estabelecer processos e fazer com que eles sejam seguidos, você precisa saber se esses são realmente bons e se estão satisfazendo os clientes.

Tomada de decisão baseada em evidências

Monitorar e medir os processos é uma atividade que deve ser feita continuamente… por todos! Analisando evidências e números você verá o que está falhando ou o que não está dando o resultado que deveria dar. É muito divertido fazer análises com base em opiniões pessoais, e com certeza, a experiência é muito válida nesse sentido. Mas ainda acredito que Deming tinha algum motivo para dizer “eu acredito em Deus, para o resto quero ver fatos e dados”.

Melhoria

“O que pode ser medido, pode ser melhorado!” (Peter Drucker)

O que você deve analisar para melhorar? Para quem deve melhorar? É mais fácil analisar a resposta dessas perguntas quando se tem os outros princípios realizados.

Uma das filosofias da Honda é: “um dos motivos pelos quais nossos clientes estão sempre satisfeitos é porque nós nunca estamos”. Se você quer que o seu SGQ cumpra o objetivo de satisfazer clientes, você precisa dormir e acordar pensando em melhorar. As melhorias são essenciais para conseguirmos gerir pessoas e processos.

Gestão de relacionamentos

Um dos nossos leitores do Blog da Qualidade nos trouxe uma pergunta que se encaixa aqui: Um produto produzido totalmente de acordo com o pedido do cliente e, posteriormente devolvido para ser refeito porque o cliente não disse uma especificação, pode ser considerada uma Não Conformidade? Claro que sim. Houve uma falha no processo de comunicação e na gestão de relacionamento entre os processos. Caso houvesse a interação adequada entre todas as partes interessadas e etapas do processo, não haveria esse problema! Essa é a importância de gerenciarmos os relacionamentos entre processos, pessoas, organizações, etc.

Foco no Cliente tem a ver com liderança. A liderança envolve o engajamento das pessoas, este engajamento aborda todos os processos. Abordar os processos torna possível tomar decisões baseando-se em evidências. Com essas evidências, dá pra melhorar… e melhorar muito! Quando tudo isso estiver acontecendo, você deve se preocupar somente em gerenciar os relacionamentos.

Imagine um tabuleiro em que todas as peças são interligadas e dependem umas das outras para poderem seguir em frente e andar para a “próxima” casa. Então, assim é que o Sistema de Gestão da Qualidade deve funcionar.

PRÊMIO KUKA Systems Augsburg – FORNECEDOR DE EXCELÊNCIA E QUALIDADE

 

Em 2.008, a Tünkers (matriz na Alemanha) recebeu o Prêmio Fornecedor de Excelência e Qualidade pela performance no atendimento das necessidades de nosso grande parceiro de negócios e conta-chave em nosso portifólio, a KUKA Systems Augsburg.

 

Para maiores informações, clique aqui

Clientes

www.maps-generator.com