O Brasil é o maior exportador do agronegócio e esse setor só cresce em nosso país. Diante de tal demanda, nada mais natural que ter novas tecnologias direcionadas para esse setor.

Conheça 5 tecnologias que são tendências no mundo agro!

Programas e aplicativos

Com o uso cada vez mais frequente de smartphones, tablets e computadores no agronegócio, o desenvolvimento de aplicações voltadas exclusivamente para o mundo agro é uma consequência esperada.

Muitos processos que antes eram manuais e que geravam falhas, erros e retrabalhos, foram mudados com tecnologias empregadas no maquinário e agora as empresas agropecuárias podem contar com a ajuda de uma infinidade de aplicativos para melhorarem ainda mais os seus processos.

O que essas aplicações podem fazer?

  • Mapeamento de área;
  • Controle dos maquinários;
  • Ajuda a detectar, controlar e monitorar pragas e doenças;
  • Fornece a previsão climática;
  • Gerenciamento de atividades;

Sensores

Os sensores estão ajudando a transformar o modo de cultivo e plantio. Com essa tendência tecnológica, é possível coletar informações do solo, clima, da plantação e das máquinas que estão em operação. Sendo assim, torna- se mais fácil detectar possíveis problemas, nível de irrigação, máquinas com defeito, etc.

Lembrando que os dados gerados pelos sensores podem ser interpretados por uma pessoa ou por uma aplicação com inteligência artificial, que também é uma tecnologia considerada tendência no agronegócio.

Inteligência Artificial

A inteligência artificial pouco tem a ver com aqueles filmes futuristas cheios de robôs. No agronegócio, podemos contar com uma inteligência artificial mais simples ou mais sofisticada e ela sempre será integrada e dependente de outras tendências tecnológicas.

Um exemplo de IA no mundo agro pode ser na parte de irrigação: o sensor detecta que uma área específica de plantio está com baixa irrigação, manda esse dado para o aplicativo ou programa de computador que, devido a inteligência artificial, toma uma ação de aumentar a irrigação no local.

Claro que para isso é necessário um maquinário autônomo, que é nossa próxima tendência tecnológica do agronegócio.

Máquinas autônomas

Uma das tendências tecnológicas do agronegócio são justamente as máquinas autônomas que executam diversas ordens automáticas geradas em aplicativos por meio da inteligência artificial.

Dessa forma, temos um cultivo inteligente, de acordo com as necessidades de cada área de plantio. Os benefícios são inúmeros, pois a detecção é imediata e cada área da propriedade recebe uma atenção adequada.

Agricultura vertical

Será que o agronegócio pode estar nos grandes centros? A tendência tecnológica de agricultura vertical diz que sim.

O plantio na agricultura vertical ocorre em um espaço fechado e ambiente controlado. Cada aspecto que influencia no cultivo é controlado e pré estabelecido de acordo com a necessidade da planta: luz, água, temperatura, gases etc.

Além de ocupar menos espaço, também ajuda no uso consciente e sustentável dos recursos naturais, além da economia logística.