Observar, gerir e monitorar o plantio é uma premissa da agricultura de precisão, que tem como objetivo usar somente os insumos necessários nas lavouras, aumentar a produtividade do cotidiano agrícola e diminuir perdas que podem ser evitadas.

A agricultura avançou muito nos últimos anos, mas agora estamos em um ponto de virada. Com uma projeção populacional global de 9,7 bilhões de pessoas até 2050 , a produção agrícola precisará aumentar em pelo menos 70% dos níveis atuais para atender às tendências nutricionais. Agora, mais do que nunca, a pressão sobre os agricultores para produzirem produtos nutritivos está colocando a saúde do nosso planeta sob ainda mais estresse.

Novos avanços em tecnologias, que vão desde robótica e drones, até software de visão computacional, transformaram completamente a agricultura moderna. Os agricultores agora têm acesso a ferramentas que os ajudarão a atender às demandas da população cada vez maior do nosso mundo.

O que é automação agrícola?

tecnologia agrícola, inovação agrícola,

A automação agrícola, muitas vezes associada à “agricultura inteligente”, é uma tecnologia que torna as fazendas mais eficientes, automatizando o ciclo de produção agrícola ou pecuária. Um número crescente de empresas está trabalhando em inovação robótica para desenvolver drones, tratores autônomos, manipuladores, rega automática e robôs de semeadura.

Quais tecnologias estão sendo usadas na automação agrícola?

O objetivo principal da tecnologia de automação de fazendas é cobrir tarefas mais fáceis e mundanas. Aqui estão algumas das principais tecnologias que são mais comumente utilizadas pelas fazendas:

  • Automação de colheita

A colheita de frutas e vegetais sempre provou ser um problema difícil de automatizar. Os robôs de colheita devem ser cuidadosos com os produtos para evitar contusões e danos. A Tünkers desenvolveu com sucesso o manipulador que é especialmente concebido para movimentação de cargas pesadas mantendo ótimas condições ergométricas. Eles podem ser fixos no chão, em um sistema de trilhos ou no teto.

  • Tratores Autônomos

Os tratores autônomos aproveitam de diversas tecnologias para terem melhores resultados na lavoura como telemetria, sensores e câmera GPS, possibilitando ser controlados remotamente ou até pré-programados para dar total autonomia ao produtor.

  • Semear

A robótica desenvolvida para semeadura e capina pode atingir áreas de cultivo específicas. Na semeadura, isso pode reduzir facilmente o trabalho e as tarefas na fazenda. Como solução para prevenir e controlar ervas daninhas resistentes, agricultores podem empregar tecnologias computacionais para pulverizar com precisão apenas onde é necessário, de forma totalmente autônoma para em controle mais ecológico e evitando desperdício.

  • Drones

Os drones têm representado um grande avanço quando estamos falando de inovação no setor agrícola. Eles são pequenas aeronaves, controladas por controle remoto, que sobrevoam a área cultivada.

Ele tem diversos usos:

  • sensoriamento remoto para coleta de dados de todas as plantas;
  • detecção do Índice de Vegetação por Diferença Normalizada (NDVI);
  • determinação das melhores área para plantio;
  • verificação da quantidade de plantas por área;
  • detecção de pragas;
  • pulverização de produtos químicos em locais específicos;
  • detecção de incêndio ou foco de incêndio;

Olhando para frente 

Estamos apenas nos estágios iniciais da tecnologia de automação agrícola, mas ela será capaz de transformar a agricultura. Oferecemos um caminho para uma agricultura sustentável e mais eficiente por meio de avanços tecnológicos, sistemas de produção e software. 

Quer aproveitar todos os benefícios da tecnologia agrícola na sua empresa? Clique aqui e conheça todas as soluções da Tunkers para o Agronegócio!